SONHOS E ENCANTOS

SONHOS E ENCANTOS

sexta-feira, agosto 05, 2011

PAPO INDO-LENTE ___ ELISA LUCINDA

Quando me perguntam depois de "Ó que lindos olhos"... Esses olhos são seus?" Me sinto como se perguntassem se o sol é rei mesmo ou uma espécie de lâmpada de mil Me sinto constrangida como se tivesse sido possível a alguém alguma vez confundir lata de goiabada com fruta de pé. me sinto velha virada há milênios Aniversariada por várias civilizações e nada esqueci. Me sinto madura madeira escaldada pra lá destas idades do agora. Sou dos longínquos tempos de goiabeiras mangueiras, formigas cabeçudas tanajuras de umidade, baratas cascudas e canaviais nos quintais Sou ainda mais na magia do que havia nesses anais, sou do tempo em que era bom nascer com olhos de esmeralda e a artista a ser cumprimentada era a mãe-natureza pela proeza de olhos ser olhos e lente ser lente. Sou do tempo em que eu era toda realeza e com certeza não se compravam olhos em shoppings, meus deus. Sou do tempo em que meus olhos Só podiam ser meus.





Elisa Lucinda dos Campos Gomes (Vitória, 2 de fevereiro de 1958), é uma poetisa, jornalista, cantora, e atriz brasileira.

Mudou-se para o Rio de Janeiro, numa vila da Tijuca, em 1986, disposta a seguir a carreira de atriz. Trabalhou em algumas peças, como Rosa, um Musical Brasileiro, sob direção de Domingos de Oliveira, e Bukowski, Bicho Solto no Mundo, sob direção de Ticiana Studart. Integrou o elenco do filme A Causa Secreta, de Sérgio Bianchi.

Seu primeiro trabalho na televisão foi na telenovela Kananga do Japão, em 1989, na extinta TV Manchete.
Fez várias apresentações teatrais, com declamação de seus poemas, e algumas com a participação especial de Paulo José. No mesmo formato

apresentou em seguida Eu te amo Semelhante.

Acredita no poema vivo pela declamação, tanto que criou uma associação no Rio de Janeiro de estudo de declamação que promove saraus

6 comentários:

Alfa & Ômega disse...

Leninha essa linda morena de olhos cor do mar é excelente cantora. Só a conheci porque foi cantar num programa feminino, Achei-a um encanto! Tenha um glorioso final de semana com meu abraço! Bjbjbj!

Renata Guidinha disse...

Ah...Leninha, a Elisa é fantástica!Aqui em casa todos tem uma grande admiraçõ pelos trabalhos dela...

Respondi seu recado lá no orkut e expliquei que fiz uma pequena cirurgia na gengiva... como nesse final de semana vou trabalhar muito em um encontro de noivos, estou fazendo repouso pra não arrumar encrenca maior... Por isso o molho (não é variação de vocabulário regionalista, não,kkkkk). Se o motivo não fosse esse, estaria mesmo com frio a bater pernas por aí... Vá lá no orkut e leia o recado, pois falei de outras coisas, ok? Bjks

Severa Cabral(escritora) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite,parabéns por ser caçadoura de talentos...
"Acredita no poema vivo pela declamação..."
Bjssssssssssss

manuela barroso disse...

...e como os olhos são o espelho da alma, que olhos, que mar!
Um xi apertado, Leninha!

Anônimo disse...

First of all I would like to say terrific blog! I had a quick question which I'd like to ask if you do not mind.
I was curious to find out how you center yourself and clear your mind before
writing. I've had trouble clearing my mind in getting my
thoughts out. I truly do take pleasure in writing but
it just seems like the first 10 to 15 minutes are generally wasted simply just
trying to figure out how to begin. Any suggestions or
hints? Thanks!

Also visit my webpage :: road accident claim

Memórias de uma senhorinha Voltando para casa Enquanto o carro percorria a estrada, pneus rolando no saibro com o barulho caracterís...

Postagens mais visitadas