SONHOS E ENCANTOS

SONHOS E ENCANTOS

sexta-feira, outubro 25, 2013



Carta à Manuela   


Era uma vez... nas terras de um vinhedo, uma menina nas cores do arco-íris, carregada de sonhos como nuvens que o vento balançava. Sonhava a menina com um mundo colorido e distante, com um reino encantado e mágico, envolto em tules e organzas, iluminado por sóis e luas, estrelas e pirilampos.
E a menina sentia que os sonhos que habitavam a casa em que seu coração vivia, um dia se tornariam realidade... e a ampulheta da vida escorria e corria atrás do futuro, enquanto ela tecia os sonhos e despertava magias. E a poesia, de mansinho, dela se aproximava e tecia laços de afeto, coloridos em róseos tons, em iridescentes lilases e em vívidos carmins.
A mão do destino a fez Poeta e o seu reino, envolto em beleza, a Poesia.
Hoje é o teu aniversário, Manu querida. Gostaria de poder abraça-la e dizer o quanto é especial em minha vida... contigo compartilho sonhos, sentimentos e ideais... divido alegrias e tristezas... mesmo com a distância que nos separa, sinto que a afinidade que nos une supera qualquer distância,,, afinal são distâncias geográficas apenas. Tuas palavras encontram abrigo e ancoradouro em meu sentir, como se fossem barcos lançados ao mar que as ondas trazem e iluminam a minha casa, a minha rua e a minha essência.
Tua amizade é um presente de Deus em minha vida... minha caminhada se tornou mais leve e suave ,não importando onde estejas... quando o afeto é Alma, não há distância que o impeça.
Quero te desejar:
Laços... abraços... ternuras... flores... sonhos... amanheceres e poentes... estrelas e luares... cantos de colibris e aromas de madressilvas ao luar.
Um afago para ti, meu anjo, minha amiga, minha sempre irmã,
          Leninha


      As palavras do poeta martelavam em sua cabeça... sabia do cair e do levantar também... tantas vezes experimentara o caminho resva...

Postagens mais visitadas