SONHOS E ENCANTOS

SONHOS E ENCANTOS

sexta-feira, abril 29, 2011

A PEDRA

A Pedra


















"O distraído nela tropeçou...
O bruto a usou como projétil.
O empreendedor, usando-a, construiu.
O camponês, cansado da lida, dela fez assento.
Para meninos, foi brinquedo.
Drummond a poetizou.
Já, David matou Golias, e Michelangelo extraiu-lhe a mais bela escultura...
E em todos esses casos, a diferença não esteve na pedra, mas no Homem!
Não existe 'pedra' no seu caminho que você não possa aproveitá-la para o seu próprio crescimento."

3 comentários:

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Inclusive, "até as pedras de encontram",
ou seja, "viram" gente, em certos momentos...
Linda poesia, Leninha.
Bom final de semana.
Beijinhos, amiga...

manuela barroso disse...

Oi minha querida Leninha!
Fico sempre com um sorriso enorme quando a leio! Juro! A menina tem o nome certo no seu blog! "Encanto" de pessoa, sonho de uma amiga assim!
Pois é mesmo isso que sinto! E sabe uma coisa?
Esse bolinho é mesmo brasileiro! Ah, pois é!Receita de um familiar que veio dessa Terra linda!
Eu só modifiquei, em vez da raps d laranja...a laranja toda...feitios
E fica com a cor do pôr do sol da nossa Helena Chiarello!
E onde para ela?
Sabe que está a fazer falta?
Se a "vir" dê-lhe um beijinho!
Para si aquele abraço
minha querida Leninha!
Manuela

Arione Torres disse...

oi querida Leninha, que bela poesia,tenha uma tarde maravilhosa bjs.....

Memórias de uma senhorinha

                                                                                                                                           ...

Postagens mais visitadas