SONHOS E ENCANTOS

SONHOS E ENCANTOS

segunda-feira, setembro 05, 2011

CARPE DIEM ...TEMPUS FUGIT


Carpe diem... Tempus fugit
Rubem Alves é psicanalista, educador, professor, poeta, escritor, uma figura admiravelmente lúcida. Um grande pensador dos tempos atuais. No site dele, "A Casa de Rubem Alves" http://www.rubemalves.com.br/, que eu frequento já há alguns anos, existem vários "cômodos". Tem o jardim, o hall, a cozinha, o quarto de badulaques, o quarto de poesia... e tem o "tempus fugit" e o "carpe diem".

Você entra na Casa e vai passeando pelos cômodos, lendo os muitos artigos publicados, as crônicas, os pensamentos, as ideias desse educador tão preocupado com a Educação atual. E tão lúcido no que se refere às soluções e mudanças que deveriam ser feitas no processo educacional. Diz ele: "Pela educação o indivíduo se torna mais apto para viver: aprende a pensar e a resolver os problemas práticos da vida. Pela educação ele se torna mais sensível e mais rico interiormente, o que faz dele uma pessoa mais bonita, mais feliz e mais capaz de conviver com os outros. A maioria dos problemas da sociedade se resolveria se os indivíduos tivessem aprendido a pensar. Por não saber pensar tomamos as decisões políticas que não deveríamos tomar."

É uma viagem maravilhosa, vale à pena. Veja um trecho do que ele diz na apresentação do cômodo "cozinha":
"Qual é o lugar mais importante da sua casa? Eu acho que essa é uma boa pergunta para início de uma sessão de psicanálise. Porque quando a gente revela qual é o lugar mais importante da casa, a gente revela também o lugar preferido da alma. Nas Minas Gerais onde nasci o lugar mais importante era a cozinha. Não era o mais chique e nem o mais arrumado. Lugar chique e arrumado era a sala de visitas, com bibelôs, retratos ovais nas paredes, espelhos e tapetes no chão. Na sala de visitas as crianças se comportavam bem, era só sorrisos e todos usavam máscaras. Na cozinha era diferente: a gente era a gente mesmo, fogo, fome e alegria."

Lindo, não? Poesia pura. Lembra a cozinha da casa da mãe da gente...


Tem um "cômodo" chamado "Proseando"... "A prosa não quer chegar a nenhum lugar. A prosa encontra sua felicidade em prosear. Como andar de barco a vela em que o bom não é chegar mas o 'estar indo'. 'A coisa não está nem na partida nem na chegada, mas na travessia', Guimarães Rosa. Prosear é brincar com as palavras."

Tem dois "cômodos" da casa que eu adoro, em especial. E que foram assim definidos pelo seu criador:
"Tempus Fugit" quer dizer "o tempo foge". A vida é breve.
"Carpe Diem" quer dizer "colha o dia". Colha o dia como se fosse um fruto maduro que amanhã estará podre. A vida não pode ser economizada para amanhã. Acontece sempre no presente.
Os dois juntos sempre me fazem refletir o quando a vida é curta e o quanto devemos mergulhar nessa grande viagem, de cabeça. Sem economizar sentimentos, coração, atitudes, perdão; sem deixar passar oportunidades, sem perder o bonde da história. Simplesmente viver.
O que me lembra um trecho de um livro que li há muitos anos e nunca mais me esqueci:

“Custa tanto ser uma pessoa plena, que muito poucos são aqueles que têm a luz ou a coragem de pagar o preço...
É preciso abandonar por completo a busca da segurança e correr o risco de viver com os dois braços.
É preciso abraçar o mundo como um amante.
É preciso aceitar a dor como condição da existência.
É preciso cortejar a dúvida e a escuridão como preço do conhecimento.É preciso ter uma vontade obstinada no conflito, mas também uma capacidade de aceitação total de cada conseqüência do viver e do morrer”. Morris West, in “As sandálias do pescador”

2 comentários:

Calu disse...

Leninha,
cada parágrafo do mestre Rubem é de uma arrebatamento ímpar que nos leva pelas mãos, pelo coração, pelos poros, a caminhar e sonhar com ele e, através de seus escritos, sempre de uma simplicidade marcante.
Rubem Alves é imprescindível todos os dias da semana.Bela escolha!
Mil bjkas,
calu

Helena Chiarello disse...

E é preciso, também, ter amigos como você!!

Que lindo isso, Leninha!!

E adorei teu comentário lá! Sempre gostoso, "macio" e cheio de coisas boas! Não sabe o bem que isso faz!!

E quanto ao feedjit, é fácil e super gostoso! rss Se precisar ajuda, é só falar.

Disse agora mesmo pra Su que aquele texto não foi falta de respeito nem deboche, só uma curtição com as coisas que as pessoas pesquisam... E eu adoro ver! rs

Beijo gigante, amigamada, e meu (nosso) carinho sempre!

Memórias de uma senhorinha Voltando para casa Enquanto o carro percorria a estrada, pneus rolando no saibro com o barulho caracterís...

Postagens mais visitadas