SONHOS E ENCANTOS

SONHOS E ENCANTOS

domingo, novembro 06, 2011

Que eu saiba

"Que a minha intensidade não me impeça de respirar vezenquando, pois suspiro o tempo todo pra encontrar espaço nesse peito que já nem se cabe. Que essas explosões de vida, de beleza e dor me permitam ao menos, por alguns momentos, absorvê-las com tranqüilidade: para que eu consiga dormir sem ter de chorar ou gargalhar até a exaustão, pois sinto falta de apenas lacrimejar ou sorrir sem contrações, descontraída. Que a felicidade não me doa sempre e tanto, a ponto de assustar. Que haja alguma suavidade nos meus olhos diante do cotidiano e que eu não me emocione exageradamente com esta delicadeza. Que eu possa contemplar o mar sem que ele me afogue por completo. Que eu possa olhar o céu imenso e que isso não me aniquile por lucidez extrema. E que quando eu escrever um texto, ao ser publicado, assim, despido de qualquer revisão emocional, dotado apenas da intuição que me foi dada, que encontre a fonte precisa que agasalhe a palavra “palavra”. Que eu não viva só em caixa alta, com esses gritos que arranham silêncios e desgovernam melodias. Que eu saiba dizer sem que isso me machuque demais. Que eu saiba calar sem que isso me provoque uma tagarelice interna inquieta. Que eu possa saber dessa música apenas que ela se comunica com algo em mim, nada mais. Que eu possa morrer de amor e, ainda sim, ser discreta. Que eu possa sentir tristeza sem que ela se aposse de toda a minha alegria. E que, se um dia eu for abandonada pelo amor, não deixe que esse abandono seja para sempre uma companhia."
Marla de queiroz

12 comentários:

Leninha disse...

Para todos os meus amigos,um poema que eu gostaria de ter escrito.
Com um beijo meu

✿ chica disse...

Que coisa mais linda,Leninha.

Uma bela escolha, com certeza!beijos,chica

Alfa & Ômega disse...

Leninha, parabéns a você pela escolha de tão profundo escrito de encantar e lacrimejar os olhos. Parabéns pela linda imagem, e ainda parabéns para Marla Queiroz que escreveu essa doçura! Bjbjbj!

mfc disse...

Que texto tão bonito!
... e que o amor nos possa acompanhar sempre.

Macá disse...

Leninha
Me propus a conhecer os blogs que participam da Galeria permanente de blogs - ideia genial da Elaine - então estou aqui.
E adorei o texto postado. Também gostaria muito de tê-lo escrito.
abraços

Severa Cabral(escritora) disse...

Bom domingo minha linda e querida amiga!
muito lindo esse texto,com sentidas palavras ...
Para vc desejo uma semana de paz!
Bjsssssssssssss

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Leninhamiga

Lindo de morrer, como se usa dizer aí no lado de lá do nosso mar Atlântico. E que uso no mesmo sentido e com igual intensidade. Obrigado minha querida por mo teres dado a conhecer. Bem hajas.

******

Quero deixar-te um pedido: se quiseres fazer esse favor, manda-me o teu endereço de imeile. Eu tinha-o, mas não o encontro, sou um despassarado...

Obrigado

Qjs

lis disse...

Oi Leninha
Uma linda prosa poética , parecidinho com tudo que realmente queremos e os poetas com corações sensíveis captam, descrevem a alma e bate forte em nós.
Que assim seja sempre .
Que a palavra abandono nao seja um peso em nós, apenas uma solidão premeditada ,uma maneira gostosa de estar.
Que sua semana seja de amor, de brilho nos olhos e doçura nos lábios.
fique com meu abraço

ValeriaC disse...

Maravilhoso...que bela escolha minha doce Leninha...palavras que sublimemente nos tocam a alma...
Linda seja sua semana..beijinhos e paz...
Valéria

lis disse...

Oi Leninha
... esqueci de responder sobre as fotos de domingo - foram feitas num condominio nos arredores da cidade, no bairro de Itaipú, uma propriedade de amigos.
Um local aprazível, longe do burburinho mas com acesso fácil a cidade.
Modos de viver também precisam ser bem escolhidos, nao? tem pessoas que conseguem! eu ainda não rs
abraços meus

SOL da Esteva disse...

Leninha

Deste belo Poema eu destaco "(...)
Que eu possa morrer de amor e, ainda sim, ser discreta. Que eu possa sentir tristeza sem que ela se aposse de toda a minha alegria.(...)",
então, sim, Amiga, o fim pode chegar.

Beijos

SOL

Sandra Portugal disse...

Vim te conhecer através da galeria de Blogs da Elaine Gaspareto e adorei!
Parabéns!
bjs Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//

Memórias de uma senhorinha Voltando para casa Enquanto o carro percorria a estrada, pneus rolando no saibro com o barulho caracterís...

Postagens mais visitadas